Home

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Obesos podem ter falha no mecanismo de saciedade


Uma falha no mecanismo de saciedade pode esclarecer porque algumas pessoas comem muito além da conta, mesmo quando já deveriam estar satisfeitas. O mecanismo acaba de ser identificado pela Universidade de Yale, nos Estados Unidos.
O processo é baseado em estímulos e respostas. Quando são apresentados estímulos alimentares, como cheiro e sabor, algumas regiões do cérebro são ativadas. Isso leva a pessoa a se alimentar.
Mas existe outro fator que regula este mecanismo. É a fome ou a sensação de saciedade. Quando uma pessoa está saciada, isso influencia as respostas cerebrais aos estímulos externos. Resultado: o impulso de se alimentar é menor.
Já em pessoas acima do peso, o cérebro é menos sensível à influência da saciedade. Mesmo quando já há saciedade, o cérebro entra em atividade de forma intensa ao receber estímulos externos.
Para constatar isso, os pesquisadores examinaram a atividade cerebral de pessoas com peso ideal e de outras, acima do peso. Foi verificado que as amídalas cerebrais têm papel importante no comportamento alimentar.
A sensação de saciedade age diretamente na resposta das amídalas, reduzindo o efeito dos estímulos alimentares. Mas isso acontece com intensidade bem menor em pessoas acima do peso.
Cores artificiais
Entre os estímulos alimentares mais importantes está o estímulo visual. Ele cria o desejo de comer, que pode ser maior no caso de cores mais intensas.
“O estímulo visual gera uma resposta em receptores da região pré-frontal do cérebro, criando uma estimulação”, explica José Alves Lara, vice-presidente da Abran (Associação Brasileira de Nutrólogos).
As cores fortes, criadas pela indústria de alimentos, acabam sendo mais chamativas. “O amarelo, por exemplo, é muito usado para atrair crianças. É um mecanismo direcionado”, conta.
No próprio processo evolutivo do homem, o estímulo visual do alimento teve seu papel. “A coloração mais intensa estava associada aos alimentos mais maduros.”
Fonte: Delas

4 Comentários:

Luciana Kotaka disse...

Hum, que intessante, vou estudar mais sobre isso. Obrigada pelo carinho amiga, também quero lhe conhecer,de onde vc é? Bjks

Janaína - Uma Futura Magra disse...

É, Luciana, são muitas pesquisas e descobertas envolvendo obesidade, já que esse mal aumenta a cada dia.
Também adoraria conhecê-la!
Obrigada pela vinda!
Beijos!

Fernanda C. Fock disse...

Muito interessante esse artigo Janaína! Acho que as pesquisas sobre este e outros assuntos relacionados a alimentação devem sempre evoluir! Beijoss

Janaína - Uma Futura Magra disse...

Sim, Fernanda, concordo com você. Dessa forma fica bem mais fácil encontrar soluções.
Obrigada!
Beijos!

Postar um comentário

Seu comentário é sempre um incentivo! Obrigada e volte sempre!
( :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...