Home

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Reorganizando as refeições



Com a crescente industrialização dos alimentos, a maior participação da mulher no mercado de trabalho, o aumento da carga horária nas empresas com indefinição de horários para as refeições e a expansão das redes de fast food, as refeições sofreram uma completa descaracterização. Passamos a fazer lanches, ao invés de almoçar e jantar, muitas vezes, esses lanches são mais calóricos e ricos em gorduras do que uma refeição balanceada. Isso vale para as famílias de todas as partes do mundo, do ocidente ao oriente.

A alimentação sofreu a mais deletéria globalização. Passou a ser rica em gorduras, sem micronutrientes ou fibras, rica em carboidratos refinados e sal, muito mais palatável do que frutas, verduras e legumes. Além de tudo isso, essa refeição moderna e advinda dos supermercados é muito mais frugal, ou seja, causa saciedade muito curta, de modo que a sensação de fome ocorre muito mais precocemente, dado à falta de resíduos e à rápida absorção dos seus componentes.


A saída para esse impasse é a organização das refeições, com um modelo alimentar que se imponha pelo menos uma refeição diária balanceada, nos moldes do nosso arroz com feijão, associada à dois lanches maiores, que substituiriam as outras duas refeições. Esses lanches devem sempre priorizar carboidratos e pães integrais, carnes ou embutidos magros e não abrir mão de alimentos naturais, como uma fruta no café da manhã e saladas, acompanhando o segundo lanche.

Trecho do Artigo: Mudanças no comportamento alimentar.

Fonte: CITEN

3 Comentários:

Dida - Futura Ex-Gordinha disse...

É verdade!
Eu faço todas as refeições fora de casa e sei como é difícil.
Adorei o post!
Beijos

Thalita Sanchez disse...

Olá, voltei ao blog depois de uma fase desanimada, mas o que importa é ter coragem de levantar e dar a volta por cima né.
bjs

Uma Futura Magra disse...

Olá, Dida!
Essa é a realidade de muitos hoje, mas é possível tomar medidas para ter uma alimentação melhor. Levar o lanche casa e/ou fazer escolhas mais inteligentes na hora de comer na rua ajuda muito.

Beijos!

Olá, Thalita!
Ótimo que esteja de volta ao blog. Senti sua falta, viu!

Beijos!

Postar um comentário

Seu comentário é sempre um incentivo! Obrigada e volte sempre!
( :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...