Home

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Chocolate, doce delicia!

Nada como um chocolate para acalmar os ânimos ou compensar aquele dia hiper estressante…

Frase frequentemente ouvidas dentro dos consultórios, onde o grande vilão sempre é este famoso carboidrato, que além de nos engordar, serve como fonte de energia.

Como tem um efeito que melhora o humor e a depressão, acaba sendo consumido em larga escala, porém o que não se leva em conta é que uma pequena barra de chocolate de 100 gramas contém cerca de 550 calorias, ou seja, um quarto das necessidades diárias que um corpo precisa.


Porém nem tudo está perdido, pois podemos sim continuar a consumir essa delícia mesmo querendo perder peso:

- Escolha uma hora do dia para consumi-lo, de preferência no período do dia que mais sente necessidade dele.

- Escolha uma versão com mais cacau e pequeno, tipo chocolate talento com 55% de cacau que tem 4 quadradinhos ou um alpino.

- Saboreie devagar, sentindo a textura, o sabor, somente assim poderá se sentir saciado.

- Não compre chocolate para deixar em casa ou no trabalho. Quando quiser compre somente um e pronto, assim estará aprendendo a se comporta magro .

- Para e preste atenção no que está acontecendo quando lhe dá uma vontade louca de comer chocolate. Está irritada, nervosa,TPM. O importante é verificar que lugar esse inocente docinho está ocupando na sua vida.

- Procure praticar alguma atividade física como caminhar, andar de roller, bicicleta, assim estará estimulando seu corpo a produzir seretonina, um neurotransmissor que oferece um tipo de compensação sensorial para a falta do chocolate.

Resumindo, fazer reeducação alimentar não é o mesmo que fazer dietas e sim aprender a comer de forma mais saudável, para sua fome e não para sua vontade de comer.

Psicóloga e especialista em Transtornos Alimentares, Luciana Kotaka desenvolve seus trabalhos há mais de 14 anos, sendo referência nesta área por realizar atividades focadas em tratamentos que envolvam a relação direta entre o distúrbio do peso e a psicologia.
Em seus trabalhos, Luciana parte dos conhecimentos dessa ciência para então chegar nas possíveis causas do transtorno alimentar do paciente. Nos encontros, busca mostrar às pessoas que é possível emagrecer de forma sadia tanto mentalmente quanto corporalmente.
Neste novo formato de terapia o paciente consegue observar o quanto têm um papel fundamental para sua própria saúde, bem estar e qualidade de vida.

Psicóloga Luciana Kotaka
CRP – 08/06502-1
Curitiba - PR 

9 Comentários:

Luciana Kotaka disse...

Nossa, qté eu fiquei com vontade agora de saborear um chocolate. Sabe que essa está sendo uma das minhas maiores vitórias, me desligar do chocolate, pois tinha uma época que era todo dia,um horror. Bjks amiga

Ju disse...

Porque alface ñ tem sabor de chocolate né, ai todos os nossos problemas estariam resolvidos kkkkkkkkkkk, gostei muito das suas matérias, tb estou te seguindo bjkas flor.

Patrícia Medeiros disse...

Eu gosto de chocolate.
Mas, consigo viver sem eles!
(Eba)

Inclusive, preguei um serenata em meu guarda-roupa em outubro. Deve ter envelhecido e não prestar mais.

kkkkkkk

Bjus

Bel disse...

Hum, delícia! Até sinto o cheirinho! Bjos.

Shirley Mello disse...

Estou enfim fazendo minha dieta tão sonhada. Como diz minha mãe, se não sabe, não faça. Como sei que se comer um não paro mais, aboli o chocolate da minha vida por enquanto...rs. O melhor é que não está fazendo falta, isso me deixa super feliz.
Super bacana ter de volta sua visita ao blog.
Bjs...

Dida - Futura Ex-Gordinha disse...

Quem não gosta dessa delícia!
Adorei as dicas!
Beijos

Luluzinha disse...

Oii amiga!!
eu gosto de chocolate... mas sou muito mais fã de doces de outros tipos... eles sim eu sofro para resistir... ja chocolate... se tiver uma trufa eu consigo não comer... ja um outro doce... dificil resistir hahaha
Bjinhoss

Luciana Penido disse...

Oiii,Eu amo chocolate e como sempre ,prefiro os amargos,esse nao tiro da minha dieta.bjs

Helena disse...

Eu AMO chocolate, e pra mim as vezes é muito dificil ficar sem eles...

Postar um comentário

Seu comentário é sempre um incentivo! Obrigada e volte sempre!
( :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...