Home

sábado, 27 de novembro de 2010

Quando chegou o meu momento



Foto tirada por Luisa Macedo
Era final de julho de 2005  faltando poucas semanas para eu completar meus 31 anos, e veio aquela força. Era o meu momento! Insatisfeita com meus 87 quilos adquiridos ao longo de quase 10 anos de vida sedentária, resolvi mudar.
Cansada de me sentir pesada, incapaz de achar uma roupa que fosse verdadeiramente meu estilo e, mais que isso, consciente de que se continuasse na obesidade grau II minha saúde correria riscos, tomei a decisão de emagrecer sem medicamentos.
Era tarefa árdua mudar uma alimentação de uma vida toda, mas não era impossível, e eu sabia bem disso.
Contando com a companhia e incentivo de pessoas queridas comecei a caminhar. Eu que sempre fui preguiçosa para exercícios físicos, me sentia imensamente bem após cada caminhada. O meu problema é começar, mas quando pego o embalo caminho com prazer. E tem que ser um prazer!

O que me fazia engordar?

1-Sedentarismo:
Esse problema foi resolvido com caminhadas regulares.

2-Alimentação exagerada:
Como eu comia livremente, sabia que reduzir quantidades já faria diferença. Passei a observar as porções que eu servia em cada refeição e comecei a diminuir, gradativamente.
Outra atitude importante foi fazer trocas:
Leite integral por desnatado (em fase adulta o leite desnatado supre nossas necessidades);
Pão francês por pão fatiado versão light (pão francês eu comia sempre mais de dois, mas o pão light me sacia mais, me satisfazendo com duas fatias);
Preferir queijos e presuntos magros;
Consumir gelatinas, maioneses, iogurtes e outros alimentos na versão light.

Como podem concluir, bastaram alguns ajustes e minhas refeições ficaram bem menos calóricas.
Também não posso negar que passei a me policiar quanto a ingestão de tudo feito com açúcares, mas não cortei radicalmente.
Depois de muitas tentativas para me adaptar a adoçantes artificiais, desisti. Viciada em café desde adolescente eu tomava café várias vezes ao dia e com açúcar. Mas eu precisava emagrecer e o açúcar do café me atrapalharia! Não foi fácil, nem tão complicado, mas eu comecei a diminuir a quantidade do açúcar até não adoçar mais. Em poucos meses estava bebendo meu cafezinho sem culpa e sem açúcar. E quer saber? Uma delícia! ( :
Assim em 10 meses eu emagreci 17 quilos, estando em maio de 2006 com 70 quilos.
Mesmo sabendo que ainda não atingira meu peso ideal a felicidade era enorme!
Nesses 4 anos meu peso oscilou entre 70 e 75 quilos.
E hoje, como estou? Estou feliz e em busca de me tornar Uma Futura Magra!

Janaína Macedo

7 Comentários:

Mirian disse...

Pequenos gestos fazem diferença mesmo.
tenha um otimo domingo,
Bj....

Janaina Schussler disse...

Oi Jana!

Parabéns pela persistência!

Ana Paula Maia disse...

Você conseguirá! ;)

Iális Morais disse...

Parabéns!
É asssim mesmo, pequenas atitudes vão mudando a nossa vida!

Bjao

Lidia disse...

sabe que eu tomo muito café tbem, o açucar sempre me atrapalhou, mas graças a Deus consegui me adptar ao adoçante, e agora tudooo só com adoçante!!
bjinhosss

Lucy Britto disse...

Se tornar não vc será uma futura magra com certeza
bjs e bom início de semana.

Luciana Penido disse...

Amiga querida parabéns!!! Não podemos desistir nunca daquilo que queremos e que nos deixa mais feliz!!! Seu nome deveria ser persistência porque não parou e sim continua correndo atrás rsrs.Bjss

Postar um comentário

Seu comentário é sempre um incentivo! Obrigada e volte sempre!
( :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...